A igreja que matou Jesus

A igreja que matou Jesus preferiu conviver com um marginal e assassino do que com Jesus.

A igreja que matou Jesus também matou os profetas.

A igreja que matou Jesus era religiosa.

A igreja que matou Jesus convivia com Ele, mas não o conhecia.




A igreja que matou Jesus era hipócrita.

A igreja que matou Jesus fazia do templo e da Palavra, comércio.

A igreja que matou Jesus envolveu-se com a política da época.

Na igreja que matou Jesus havia podres e sujeiras.

Na igreja que matou Jesus a última palavra era dos poderosos, os santos sumo sacerdotes.

Na igreja que matou Jesus a comunhão era fingida. O amor, discursivo.

Os religiosos da igreja que matou Jesus diziam-se santos, vestiam-se adequadamente, davam o dízimo, mas estavam prontos a apedrejar a pecadora.

A igreja que matou Jesus foi a igreja dos cidadãos da alta sociedade judaica, mas se assegurou de manter os marginalizados à margem.

A igreja que matou Jesus não frutificava.

Na igreja que matou Jesus havia muita reverência – aos homens – , mas poucos homens-referência.

Na igreja que matou Jesus vivia-se uma verdade inventada, dogmática.

Na igreja que matou Jesus a misericórdia tinha preço “$”.

A igreja que matou Jesus cumpria a Lei, mas desconhecia a Graça.

A igreja que matou Jesus ignorava Sua voz, mas orava em voz alta.

A igreja que matou Jesus tinha tanta convicção em suas verdades que o mataram.

A igreja que matou Jesus nem chegou a ser chamada de Igreja, mas ainda existe.

Você a conhece?


22 comentários:

  1. nao conseguir entender de fato qual foi a igreje qual foi a religiao ???

    ResponderExcluir
  2. FOI A IGREJA CATÓLICA APOSTÓLICA ROMANA...PRONTO FALEI

    ResponderExcluir
  3. EU TENHO CERTEZA QUE FOI TODAS AS IGREJAS, PQ TANTO A CATÓLICA COMO O EVANGÉLICA, RECEBE DINHEIRO EM TROCA DA PALAVRA DE DEUS, ESTÃO FAZENDO AS MESMAS FUNÇÕES DOS SACERDOTES DA QUELE TEMPO, PQ NÃO EXISTE IGREJA, E SE EXISTE A FUNÇÃO DELA E LUCRAR EM TROCA DA PALAVRA DE DEUS, SE DEUS DEMOLIU E PQ ELE NÃO QUERIA QUE EXISTISSE.

    ResponderExcluir
  4. Ridículo! Na história da igreja católica, houve sim muitas páginas ou atos "podres", – começando pelo de Judas, que traiu o Senhor, o de Pedro, que o negou por três vezes, e o de Tomé, que depois de conviver longo tempo com o Senhor, mesmo assim não pôde crer na sua Ressurreição antes de tocar as suas santas chagas. Poderia somar a estes exemplos o de todos os outros Apóstolos, exceto João, que fugiram para salvar as próprias peles quando Jesus foi preso. Então, os homens que integram a Igreja, desde o começo, sempre foram imperfeitos, falhos, fracos e pecadores. Nenhum problema em admitir isso.

    No entanto, nada disso afeta a santidade e a pureza da imaculada Esposa de Nosso Senhor Jesus Cristo, que é a mesma Igreja. "Podres" no correr de sua história, sim, sempre existiram e continuam existindo, partindo de alguns de seus filhos ingratos e traidores. Podres ou manchas na própria Igreja, em sentido absoluto, não. Nenhum sequer.
    Ocorre que "a Igreja é, aos olhos da fé, indefectivelmente (infalivelmente) santa. Unida a Cristo, é santificada por Ele e nEle se torna também santificante.” (Lumen Gentium n.39 / CIC §823-824).
    E aqui você possivelmente você estará se perguntando se esses tais olhos da fé precisam de óculos, ou se estarão totalmente cegos... Se a Igreja é santa, porque então ouvimos dizer de tantos escândalos e graves pecados envolvendo padres e bispos? Você deverá achar que, se aos olhos da fé a Igreja não falha, então esses olhos devem estar precisando urgentemente de um oftalmologista!
    A verdade, porém, é o exato oposto desta impressão superficial. Não é que os olhos da fé não vejam bem; de fato, os olhos da fé vêem muito além das aparências, e enxergam que a Igreja é a continuidade da Encarnação do Cristo neste mundo. É por isso que ela não se desvia do seu Caminho, não naufraga, não se perde. O Espírito Santo a assiste, e mesmo com tantos pecados de filhos traidores, que lhe dão as costas e não ouvem a sua voz, ela permanece fiel à sua missão e cumprindo plenamente o seu propósito.
    [continua...]

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Errado, a história de Judas foi definida por Jesus, estava nos planos dele. Em segundo lugar, a sua igreja católica só passou a existir depois do século IV fundada por Constantino, até então era só um grupo de oprimidos, que passou a ser religião de opressores.

      É de cunho teológico e aceito, chamar de "fundação" quando se é institucionalizado. Constantino não fez apenas isso. Até então, os cristãos eram perseguidos, não tinham templos e já estavam capilarizados no império romano, que por sua vez estava em decadência. Ele cerrou a perseguição, institucionalizou a ICAR e alterou templos de deuses romanos para santos equivalentes..

      "E as portas do inferno não prevalecerão sobre ela" Será? Jesus falava da igreja de ROMA? kkk

      • A IGREJA Fundou a Inquisição, forjou as correntes e construiu instrumentos de tortura. Obscureceu a vida de muitos milhões. Tornou o berço tão terrível quanto o caixão. Escravizou nações e derramou o sangue de incontáveis milhares. Sacrificou os melhores, os mais sábios, os mais bravos. Subverteu a noção de justiça, derriscou a compaixão dos corações, transformou homens em demônios e baniu a razão dos cérebros.

      • A Inquisição da Igreja Católica Cristã foi a maior desgraças que ocorrereu na história da humanidade. Em nome de Jesus Cristo, sacerdotes católicos montaram um esquema gigantesco para matar todos os acusados de "hereges", sendo que herege podia ser qualquer um, inclusive os melhores e mais sabios cristãos; era somente não concordar com os dirigentes, bispos e papas para ser mortos com requintes de crueldade. Esses dirigentes somente queriam saber de poder, opulencia e sexo.

      • Como os livros de história foram em grande parte reescritos, de forma a amenizar os fatos reais, poucas pessoas conhecem os detalhes específicos de uma campanha nefanda que em 1200 anos (Doze séculos) torturou e assassinou milhares de pessoas.

      • “Hipátia (370-415 DC), filha de Theron, era uma cientista, matemática, astrônoma, líder da escola de filosofia neo-platônica e diretora da Biblioteca de Alexandria. Cirilo, o arcebispo de Alexandria, a odiava por ela ser um símbolo da ciência e da cultura que, para a igreja primitiva, representavam o paganismo. Ela continuou seu trabalho apesar das ameaças até que, no ano de 415, foi cercada pelos monges e paroquianos de Cirilo, despida e esfolada até a morte com cacos de cerâmica. Seus restos foram queimados, suas obras destruídas e Cirilo foi canonizado.”

      Precisa de mais, para perceber que esse lixo de instituição não tem nada a ver com Deus, mas usurpou o lugar de CRISTO PARA SI MALDOSAMENTE.

      Excluir
    2. • Sobre a tortura, que era imposta pelo Estado, e não pela Igreja - a Inquisição foi a primeira instituição jurídica no mundo a declarar que as confissões sob tortura não seriam válidas para a condenação de alguém. A Inquisição exigiu que a tortura fosse limitada, e que deveria ser usada apenas para a obtenção de informações, e não como instrumento de punição. Que não poderia violar a integridade física da pessoa; que deveria ser limitada a no máximo meia hora, que deveria ser assistida por um médico e que jamais poderia se repetir4.

      • O recurso da tortura, que era usado sempre nos tribunais laicos, não era constante na Inquisição, que recorreu muito raramente a esse procedimento: ao todo, menos de 10% dos processos usaram tal método8. A Inquisição impôs uma regra que proibia aos eclesiásticos derramar qualquer gota de sangue dos réus, e confissões obtidas sob tortura perderam a validade. No fim, o tribunal religioso condenou pouco8.

      Notemos como a verdade histórica é diferente daquela que vemos nos filmes de Hollywood (EUA = protestantismo). Os fatos surpreendem os leigos, acostumados a ouvir grandes e absurdos exageros. O fato é que a Inquisição também tinha por finalidade controlar os excessos de violência cometidos pelo Estado, e este é um fato tão certo que muitos presos, julgados pelos tribunais do Estado, passavam a blasfemar contra Deus e contra a Igreja, na esperança de serem transferidos para os tribunais da Inquisição5!

      Sobre a Inquisição espanhola, a mais comentada e polêmica, é preciso saber que ela foi principalmente uma instituição civil, não controlada pela Igreja, e que a própria Igreja censurou e tomou medidas contra ela7. Também é fundamental saber que quase tudo o que se divulgou a respeito da Inquisição espanhola é fruto das calúnias difundidas pelo ex-padre Juan Antonio Llorente, um apóstata que produziu documentos sobre a Inquisição na Espanha com o interesse de ajudar a França de Napoleão a dominar aquele país. Llorente queimou todos os documentos que usou, para que não se descobrissem falsificações7.

      Além de tudo, os métodos aplicados pela Inquisição eram mais humanos que os da autoridade civil da época: um notário transcrevia o processo, os acusados não ficavam presos durante o inquérito, podiam recusar um juiz e apelar para Roma contra alguma decisão do tribunal6.

      • Fato: as ações repressoras da Inquisição foram bem menos implacáveis que as civis. Por quê, então, se mantém uma imagem tão terrível do Santo Ofício? Por vários motivos, mas foi sobretudo o fanatismo do inquisidor espanhol Tomás de Torquemada (século XV), que ficou gravado na memória popular. Daí veio o protestantismo, no século XVI, o antipapismo anglicano, o iluminismo e o anticlericalismo dos séculos XIX e XX... Um conjunto de eventos e adversários da Igreja que pintaram um quadro pavoroso da Inquisição, que, mesmo sendo falso, ainda repousa na mentalidade do nosso tempo.

      Finalizando, te convido a assistir uma palestra do Prof. Dr. Ricardo Costa, da Universidade Federal do Espírito Santo, a respeito do tema preconceitos sobre a Idade Média.

      Citei alguns "feitos" da Inquisição Protestante para demonstrar que a Inquisição Católica não foi a única, simplesmente pelo bem da verdade.
      O fato incontestável é que todas, - e eu disse todas, - as religiões antigas, em algum momento de sua história, promoveram perseguições e usaram de violência para se impor. O problema não está na doutrina, e sim nos seres humanos.

      Excluir
    3. E você acredita? Te enganaram em tudo. T - U - D - O. Tá na hora de acordar, Não deixem que te façam de IDIOTA. Diga Basta. http://verdadereoculta.blogspot.com.br/2012/10/tu-es-pedro-e-sobre-esta-pedra.html

      Excluir
    4. Acredito sim! Pois eu estudo a verdade. Ao contrário de você...Pq se estudasse não tava falando essas bobagens. Vc estuda tanto, que no comentário abaixo vc entrou em contradição quando disse:
      "Quando Jesus disse a Pedro "tu es Pedro e sobre esta pedra edificarei minha igreja" Jesus se referia a pessoa de Pedro e não um templo feito por mãos de homem ou seja a igreja são todas as pessoas que aceitam a revelação de Jesus Cristo, igreja é gente não Pedra..."

      Você admitiu que pedro era a pedra. rs Logo, se pedro era a pedra, a igreja católica iniciou com ele, não é mesmo? Pois ele foi o primeiro papa! Logo a baixo vc disse que quem iniciou a igreja foi um satanista, moçon... kkk Por favor né! Agora me manda esse link falando que a pedra não era pedro.
      "O templo de Cristo é espiritual e não um templo erguido por mãos de homens! As palavras de Jesus a Pedro, chamando-o de pedra e dizendo que sobre essa pedra construiria a sua Igreja, são contestadas no próprio meio cristão. As Igrejas Protestantes defendem a tese de que a pedra não era Pedro, mas a revelação que ele fizera de que Jesus era o Cristo."
      Sobre esse link, sinceramente, eu nunca li tanta bobagem! Vou nem tentar discutir! Pq eu posto os comentários te respondendo e o site só posta o que convém a eles. Vcs não querem saber a verdade, são um bando de orgulhosos que fecham os olhos pras coisas que estão na cara. Só pra começar qualquer pessoa que estuda um pouquinho mais de história sabe que não foi constantino que fundou o catolicismo. Enfim, isso que vcs estão fazendo é terrível. Estão passando uma imagem totalmente distorcida do que é a igreja católica. rsrs Assim fica facil derrubar ela né?? Fácil pra quem não conhece a IGREJA CATÓLICA APOSTÓLICA ROMANA... rs Mas enfim... Deixo um link aqui, que responde algumas acusações protestantes e "evangélicas". As mesmas vãs repetições de sempre. Todas essas bobagens que eu li, pode convencer outro ignorante que acredita em qualquer coisa que o "pastô" diz, não a mim.

      Vocês rejeitam a Tradição, e fazendo isso vcs contrariam a Bíblia. Pois ela diz q devemos seguir a tradição. Nós andamos em sintonia com os apóstolos. Ao se juntarem para criticar a Igreja Católica, acabam sem perceber cumprindo as profecias bíblicas do próprio Senhor: "Sereis odiados de todos por causa do meu Nome" (Lc 21,17); "Bem aventurados sereis quando, mentindo, disserem toda espécie de mal contra vós, por amor ao meu Nome." (Mt 5,11-12).

      Tá aí o link. Espero mesmo que vc se dê pelo menos o trabalho de ler. Não fique com medo de ler e ver que realmente é verdade. kkk O Senhor abomina o orgulho.

      http://www.ofielcatolico.com.br/2000/01/indice-de-respostas-catolicas-para.html

      Excluir
    5. Não vão liberar o resto dos comentários não? kkkk Estou aguardando!

      Excluir
    6. Não, não tenho tempo para perder com LONGOS TEXTOS dotados de idiotices copiadas de sites católicos mentirosos, que enganam, manipulam e mentem. Os historiadores sérios dão boas gargalhadas....Qualquer um com um livro de história básica o faz

      Se quiser debater, use suas palavras, aqui não é mural apoplético. Além disso, vc não respondeu nada do que foi perguntado, apenas copiou textos com o ópio para desviar o foco da postagem...Esse é o fruto da alienação religiosa fundamentalista, cuja raiz é a obediência cega a sistemas verticalizados....Vc se quer respondeu como o catolicismo explica os objetos de adoração e cultos PLAGIADOS DAS RELIGIÕES EGÍPCIAS, MITRAICAS, ROMANAS, WICCAS ETC...Se quer foi capaz de explicar o plágio do simbolo do deus sol mitra ROUBADO das religiões mais antigas....Não adianta postar textos longos que visam mudar o foco do assunto.Isso não será aceito aqui.

      CAIA NA REAL, LIBERTE-SE.

      O sistema religioso é uma fraude. Ele se coloca no lugar do Pai maldozamente, para que as pessoas não cheguem ao Pai a não ser por ele.

      Entendemos que o caminho para chegar ao Pai não é um caminho que passa pela igreja [instituição] não passa pelo processo religioso, esse caminho passa pelo Salvador.
      "Por que ele entrando uma vez por todas no santo dos santos, nos deu livre acesso perfeito ao Pai, pelo qual nos achegamos ao Criador" do que através de um sacerdote que é figura da aliança passada. O processo religioso traz o sistema sacerdotal novamente com os nomes "pastores, bispos e presbíteros" No qual Paulo chama de sistema fraco e inútil, pois homens morrem, mas aquele que ressuscitou dentre os mortos é eterno.

      Excluir
    7. Pedro PAPA? PEDRO NUNCA ESTEVE EM ROMA kkkkk Pedro desconhecia esse cargo, imagina Pedro pescador, usando mitras e vestes sacerdotais pagãs do mitraismo? É piada né?

      Excluir
    8. É a premissa católica mesmo. Um magistério infalível e uma tradição absoluta. Pra quem consegue acreditar nessa possibilidade, é uma tradição bem estruturada e dá uma segurança grande em termos de salvação. Mas pra quem é crítico e reconhece a relatividade de todo ser humano, impossível aceitar.

      Onde estava o magistério infalível de Deus na época de Jesus? Teriam os discípulos seguido a Jesus se fossem leais a ele?

      Outra coisa, se não há salvação fora da igreja, por que o papa Francisco disse que os ateus que fizerem o bem serão salvos? O papa desfazendo o concílio de Latrão? Parece que ele não é tão infalível assim...

      Agora me explica como funciona essa questão do magistério infalível? Se o magistério romano é infalível, qual é a necessidade de tantos concílios, muitos deles contradizendo concilio passado? Ora um magistério infalível não necessita que outros concílios venham após ele, ou necessita?

      Qual dos apóstolos foram padres ou instruiram alguém a ser? Qual deles construiu algum templo ou orientou alguém a construir? Qual deles criou algum ritual de confessionário, para depois cumprir alguma poenitência sacrificial? Qual deles estabeleceu o rozario (idêntico ao budista) para conta de rezas? Qual deles estabeleceu o cultoa santos? Qual deles fez promessas para santos ou orientou alguém a fazer? Qual deles fez alguma procissão? Ensaiau algum coral? Coreografias? Danças? Qual deles utilizava velas como ritual religioso? Qual deles fez festa a honra a virgem Maria ou orientou alguém a fazer? Qual deles utilizou a agua benta? Qual deles cobrou alguma indulgência? Qual deles fez alguma inquisição ou orientou alguém a fazer?

      Excluir
    9. Um sucessor deve continuar o trabalho dos seus mestres e não alterá-los. Nesse caso não é sucessor mas sim usurpador.

      Dá pena de pessoas que defendem um sistema que enriquece uma minoria com seus sofismas, tem seus defensores que querem manter mentes cativas, preguiçosas, covardes e medrosas! Dizem que aceitam a um Cristo corajoso, que mostrou as vísceras de um sistema hipócrita e combateu seus líderes, esses mesmos defendem com unhas e dentes o mesmo sistema que assassinou o Cristo a quem dizem seguir!

      Excluir
    10. A igreja católica teve seu início no SEC II com clemente de Roma e reformada no SEC IV com Constantino o décimo terceiro apóstolo? Analisem as obras do passado e compare com as obras dos apóstolos! É a mesma??? E os concílios que não cansam de se contradizer? Para que a necessidade de concílios se a instituição segue a doutrina dos apóstolos? Será que a doutrina deles era falha e precisa de “emendas’? obs: (a alegação de que o que ligar no céu e na terra não responde nada!!)

      VOCÊ FREQUENTA UM TEMPLO CATÓLICO?

      NINGUÉM TE CONTOU QUE O CATOLICISMO É UM PLÁGIO DO PAGANISMO QUE JÁ EXISTIA ANTES DELE? CRIADO POR ROMA

      As imagens DE ESCULTURA NÃO SÃO DOS SANTOS NEM DE JESUS, SÃO de deuses gregos, romanos e egípcios ADAPTADOS DO PAGANISMO!! São imagens de pessoas europeias e não hebreias, JESUS NÃO ERA EUROPEU, NÃO ERA LOIRO, NEM TINHA OLHA AZUL. Estude um pouco e veja o quanto seu catolicismo te enganou!

      Sem falar nos rituais, festas e datas plagiados dos deuses Romanos, o principal é o deus sol invicuts, observe que há várias esculturas com homenagem subliminares ao deus sol nas imagens católicas.

      O filho de Deus combateu veementemente os homenzinhos fantasiados do sistema religioso, da sua época, esses também se julgavam representantes de deus na terra....

      Jesus tolerava prostituta, ladrão, publicano, qualquer um menos o RELIGIOSO. ESTOU MENTINDO?

      Por isso os homenzinhos de fantasias CLARICAIS mataram a Jesus e tomaram seu lugar, o próprio Jesus profetizou isso.(Mt 21:37-46)

      O Próprio Apostolo Paulo, profetizou que logo após sua morte no séc I, os cristãos se desviariam da Fé, e passaram a viver conceitos pobres e doutrinas de homens, falando “coisas deturpadas, para atrair a si os discípulos”. (Atos 20:29, 30) O resultado foi que muitos cristãos ‘se desviaram da fé’. Foram “desviados para histórias falsas”. — (1 Tim4:1-3; 2 Tim 4:3, 4). Jesus predisse que o seu povo seria massacrado por esses apostatas da Fé, que dominaram a força o reino dos céus, derramando muito sangue (Mateus 24:3-35)

      No Sec I os apóstatas, criaram vários concílios de tempos em tempos, foram reformulando a doutrina de Jesus, foram além do que os apóstolos e Jesus ensinaram, não cansavam de inventar preceitos novos (pois, para eles, Jesus é imperfeito e esqueceu de ensinar muita coisa quando veio na terra rsrs) criando assim tantas divisões (Jd 1:17-19)! A reforma Protestante é a continuidade, foi fundada por Padres Católicos, é apenas uma divisão do catolicismo, jamais prepuseram zerar o catolicismo, mas tão somente reformar um sistema institucional falido!

      Dá pena de pessoas que defendem um sistema que enriquece uma minoria com seus sofismas, tem seus defensores que querem manter mentes cativas, preguiçosas, covardes e medrosas! Dizem que aceitam a um Cristo corajoso, que mostrou as vísceras de um sistema hipócrita e combateu seus líderes, esses mesmos defendem com unhas e dentes o mesmo sistema que assassinou o Cristo a quem dizem seguir!

      Continue ouvindo os homenzinhos de roxo, AO INVÉS DE dar ouvidos as palavras do FILHO! Vá e comenta o mesmo erro dos Judeus.

      João 8:47
      Quem é de Deus ouve as palavras de Deus; por isso vós não as ouvis, porque não sois de Deus.

      OUÇA O FILHO
      OUÇA HOMENZINHO DE ROXO

      Vc escolhe.

      leia

      Livro Cristianismo Pagão - A Origem das Práticas de Nossa Igreja Moderna - Frank A. Viola
      Livr CRISTIANISMO PAGÃO Frank Viola

      Excluir
  5. Sim, porque é por meio da Igreja que nós chegamos à salvação, já que é por meio dela que temos o Batismo, – porta de entrada para a vida cristã; – é por meio dela que comungamos Corpo e Sangue, Alma e Divindade de Jesus Cristo, na sagrada e preciosa Eucaristia; é por meio da Igreja que alcançamos o perdão dos nossos pecados, pela Confissão, como Jesus determinou, dizendo aos primeiros pastores desta mesma Igreja, que é una e indivisível: "Os pecados que perdoardes serão perdoados, e os que retiverdes serão retidos" (Jo 20,22-23).
    É somente na Igreja, sendo membros da Igreja, que podemos ser cristãos de fato. A Igreja, então, continua cumprindo fielmente a sua missão, continua sendo fiel Esposa de Cristo, nos santos da Terra e nos do Céu, em perfeita Comunhão com Deus Pai, Filho e Espírito Santo.
    Assim, por mais bobagens ou mesmo barbaridades que alguns filhos da Igreja cometam, por mais pecados que acumulem, a autêntica Igreja continua pura e sendo divinamente conduzida.
    Ora, a Igreja não pode ser julgada a partir dos seus traidores, e sim a partir daqueles que lhe são fiéis. Isso não é óbvio?
    Deixando um exemplo muito simples, para facilitar a compreensão: imagine um time de futebol, do qual um de seus jogadores aceitou suborno para entregar a final do campeonato à equipe que é a sua grande rival. Seja este jogador o goleiro ou o atacante principal, ou o responsável pela armação das jogadas ou um zagueiro, de qualquer jeito ele vai ter muitas oportunidades durante a partida para facilitar a vitória do time adversário. Certo. Aí o time perde, e depois se descobre a falcatrua e a traição deste jogador vendido. Pois bem; ele evidentemente deveria ser afastado. Mas o que nos interessa aqui é saber o seguinte: este jogador infiel, vendido e traidor, representa o seu time? Poderia ele servir como exemplo daquela equipe de atletas?
    Se pedissem ao treinador deste time que apontasse um jogador para simbolizar aquela equipe, será que ele escolheria o traidor? E se perguntassem ao patrocinador do time, ou ao diretor, ou a algum membro da torcida? Será que alguém escolheria o traidor para ser o símbolo da equipe, o atleta que representaria "o espírito" dessa agremiação esportiva?
    Claro que não. Só poderia representar o time um atleta que fosse dedicado, comprometido, um que tenha honrado sua camisa, que tenha sido fiel ao escudo no seu peito.

    [continua...]

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ninguém precisa de instituição religiosa ou profissional especializado para Batizar, cada pai pode batizar seu filho, por que não? O povo de Deus, tal como os profetas, sempre estiveram afastado das organizações religiosas, e porque hoje seria diferente? As organizações sempre foram o lado "B". Eles mataram Jesus.

      A salvação vinculada a uma instituição religiosa? Quando Cristo ensinou isso?

      Enquanto você achar que igreja é uma instituição religiosa, você nunca deixara de ser manipulado.

      Igreja são aqueles que estão seguindo a Jesus, que compartilham lições espirituais, que ajudam uns aos outros, socorrerem uns aos outros, que consolam, que promove carinho na fé, afeto e solidariedade. Igreja somos nós, igreja é gente, não é prédio nem instituição especializada. (Mt 18:20 1Co 6.19; 1 Pe 2:5; Ef 2:20-22)

      A igreja de Cristo não tem hora de culto, o culto nem é uma cerimônia, ela cultua em todo tempo porque cultua com a vida, vivendo. Ela não é de parede e teto, ela é feita por mim e por você é feita de gente.

      Ninguém funda "igreja", pois a Igreja é única e foi fundada em Cristo (o que homens fundam são segmentos religiosos a fim de atrair pessoas com uma crença semelhante, da católica às protestantes); sendo simples produções humanas e nada divinas.

      No corpo de Cristo, todos são iguais, os apóstolos não fundaram um clero sacerdotal, nem se portavam como líderes religiosos, mas simplesmente como irmãos, servos pelos quais o evangelho foi anunciado (1 Cor 3:4)!

      Assim, a igreja-instituição, com seus cargos e hierarquias; assim como a igreja-empresa que visa números e lucro, e a igreja-clube, que tem sócios e não membros, todas elas fogem do padrão do Novo Testamento, e não tem se quer autorização de Deus para existir.

      De acordo com Jesus, onde estiverem dois ou três que REUNIDOS EM SEU NOME, ali está a igreja ( igreja é povo), pois Cristo está com eles, conforme prometeu em (Mt 18). Assim, se dois ou três amigos se encontrarem para falar sobre as lições espirituais, ou para servirem alguém, ali é a igreja! Isso é congregar-se, reunir-se pelo evangelho!

      Excluir
  6. Nos últimos anos, milhares e milhares de outras denominações menores foram surgindo, com os nomes mais criativos. Cada uma delas se afirma a mais fiel; todas se declaram "conduzidas pelo Espírito Santo", apesar de ensinarem coisas totalmente diferentes umas das outras. Todas elas foram fundadas por homens ou mulheres comuns. A pergunta é simples: como o Espírito Santo poderia animar tantas divisões, Ele que é Fonte da Unidade?

    Como identificar a Igreja de Cristo? São duas as chaves para se chegar à conclusão definitiva: a Bíblia Sagrada, que os protestantes/evangélicos dizem seguir, e a Igreja primitiva, que os protestantes/evangélicos dizem representar.

    Segundo a Bíblia: a Epístola aos Hebreus (12,22-24) fala da Igreja Celestial, que é a Jerusalém Celeste. O texto bíblico diz que as almas dos justos aperfeiçoados estão no rol da Igreja triunfante: “À Assembleia Universal, que é a Igreja dos Primogênitos arrolados nos Céus, e a Deus, Juiz de todos; aos espíritos dos justos aperfeiçoados”. O ponto fundamental aí é notar que a tradução do manuscrito original em grego diz kαθολικός eκκλησία, que se pronuncia katholikón ekklésia, e quer dizer, exatamente, Igreja Católica. Na próxima vez em que alguém lhe perguntar onde é que está escrito na Bíblia que a Igreja de Jesus Cristo é a católica, você já sabe o que responder...

    A Igreja Primitiva, no Concílio de Constantinopla (381), os cristãos definiram os traços que definem a verdadeira e única Igreja de Jesus Cristo: "Creio na Igreja, Una, Santa, Católica e Apostólica...".

    Una: A Igreja deve ser una, isto é uma só, indivisível,uma só Igreja, do mesmo modo como existe "um só Senhor, uma só fé, um só batismo" (Ef 4,5). Jesus Cristo fundou uma só Igreja neste mundo, e Jesus só pode ser a Cabeça de um Corpo, do mesmo modo como somente pode desposar uma noiva, assim como Deus teve um povo entre os vários povos;

    Santa: em virtude do seu fundador: Jesus Cristo. Foi ela que recebeu uma promessa fundamental: "...as portas do inferno não prevalecerão contra ela" (Mt 16,18). Deste modo, a razão da própria existência da Igreja está em ser um instrumento de santificação dos homens: "Santifico-me por eles para que também eles sejam santificados pela verdade" (Jo 17,19).

    Católica: a palavra católica quer dizer universal; a Igreja de Cristo é Universal porque foi estabelecida para reunir todos os povos e nações para formar o único Povo de Deus: "Ide, pois, ensinai a todas as nações; batizai-as em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo" (Mt 28,19).

    Apostólica: porque está edificada sobre o "fundamento dos Apóstolos..." (Ef 2,20). A garantia da legitimidade da Igreja está na continuidade da obra de Jesus por meio da Sucessão Apostólica. Tudo o que Jesus quis para a sua Igreja foi entregue aos cuidados dos Apóstolos: a doutrina, os meios para santificação e a hierarquia.

    "Onde quer que se apresente o bispo, ali também esteja a comunidade, assim como a Presença de Jesus nos assegura a presença da Igreja Católica" - Sto. Inácio Bispo de Antioquia, Carta aos Esmirnenses 8,2 (séc. II).

    Aos poucos, a palavra católica foi sendo usada para definir aqueles que estavam de fato seguindo a doutrina de Jesus. No final do século II, a igreja cristã já era conhecida em toda parte como Igreja Católica.


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Cristianismo como conhecemos hoje teve suas bases estabelecidas no concílio de Nicéia!

      Todos os dógmas religiosos cristãos atuais como, rituais, liturgia, ritualística, coro, coral, coreografia, hierarquia sacerdotal, procissões, pulpitocentrismo, templocentrismo, roupas clericais, datas festivas e demais bases religiosas foram estabelecidas no Sec IV no concílio de Nicéia em Roma.

      O concílio de Nicéia foi patrocinado pelo imperador Romano pagão Constantino, quando foi estabelecido os Credos da nova religião, os Católicos Romanos!

      Com o objetivo de adquirir poder, domínio e controle, Constantino criou um império religioso, transformando o que era antes a fé de oprimidos, em religião de opressores. Foi a melhor solução para transformar uma Roma política fragmentada em, Roma religiosa imperial.

      O imperador pagão desviou recursos financeiros do estado para construir a basílica de São Pedro, marcou com grandes templos e obeliscos que os cristãos primitivos tinham marcado apenas com a fé e amor!

      A Igreja Católica Romana foi fundada oficialmente pelo Imperador pagão Constantino e pelo Bispo cristão Silvestre em 314, d.C., com o rótulo de cristã.Foi constituída numa mistura ecumenica religiosa de cristianismo, judaísmo e paganismo.

      A partir dai cria se um poderoso império na terra se transformando no símbolo da ação cristã militarizada e o sincretismo religioso presente até hoje, que é a antítese evangelho de Jesus. ( REF Livro: História -(Márcia Hipólide) Livro: Arqueologia - ( S. J. Schwantes) Livro: Evidências veredicto v. I e II. Editora Candeia (Mcd Livro: Santos Pagãos: Deuses Romanos Ontem, Santos Hoje! Livro: Constantino Fundador do Cristianismo (288-337 d.C. Livro_Cristianismo Pagao - A Origem das Práticas de Nossa Igreja Moderna - Frank A. Viola).


      Jesus nunca esteve ao lado da elite religiosa, por que é que hoje estaria? Ao contrário, ele previu que a elite tomaria o reino para si e se colocaria como representante da terra Mt 24....pelos frutos agente percebe.

      A igreja impediu o progresso ciêntifico na idade média quando pensadores e cientistas começaram a propor suas idéias e foram para a inquisição.

      Dizer que a terra não era o centro do universo e que era a terra que girava em torno do sol era um absurdo....

      Cientistas eram vistos como bruxos pela ICAR que dominava toda a ideologia da época. Assim, quando uma pessoa utilizava a razão para responder uma questão sobre o universo, logo era considerada bruxo, herege, por medo que interferissem no seu dominio, que era detido através dos dogmas. [[ISSO ACONTECEU TAMBÉM COM JESUS E OS PROFETAS DO V.T QUE FORAM MARTIRIZADOS POR EXPRESSAR PONTOS DE VISTAS DIFERENTES DO SISTEMA RELIGIOSO.]]

      A Igreja utilizava o teocentrismo (Deus acima de tudo) para não haver questionamentos, foi assim que ela enriqueceu como vendendo indulgências

      Foi por causa dessas ações que ocorreu o iluminismo e consequentemente a reforma protestante

      Excluir
  7. Créditos ao site o fiel católico.( http://www.ofielcatolico.com.br/2000/01/indice-de-respostas-catolicas-para.html ) Vai lá, aprende sobre essa doutrina tão rica, pra depois você vir dizer algo. Você vai perceber que essa" igreja que matou Jesus", é a única e verdadeira igreja de Jesus Cristo, a única conduzida pelo Espirito Santo. E se ela existe até hoje, como você mesmo citou, é por que Jesus quis e quer assim, pois ele mesmo disse ao entregar as chaves do reino para pedro ( a pedra), que as portas do inferno não prevaleceriam contra ela!
    Mateus 16,17-19.
    E Jesus, respondendo, disse-lhe: Bem-aventurado és tu, Simão Barjonas, porque to não revelou a carne e o sangue, mas meu Pai, que está nos céus.
    Pois também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela; Eu lhe darei as chaves do Reino dos céus; o que você ligar na terra terá sido ligado nos céus, e o que você desligar na terra terá sido desligado nos céus".
    Que Deus te abençoe pra que você conheça a verdade a tempo. Assim como existe podres na igreja católica, também existe em qualquer outra igreja protestante, pois somos humanos, inclinados a pecar. Mas não devemos julgar nada por uma parte podre, pois Jesus não era assim, devemos ser imitadores de Cristo. Jesus quando olhou pra Maria Madalena ele conseguiu enxergar além daquela capa. Vocês passam pras pessoas uma imagem distorcida do gigante que é a igreja católica, dessa forma até eu consigo derrubar ela.
    Os culpados pela morte de Cristo somos todos nós: judeus, pagãos e discípulos. Todos nós estamos representados nesse teatro de infâmia. Ele morreu por nossa causa! É necessário compreender que Jesus viveu todo esse drama com a consciência de que estava realizando isso pela salvação da humanidade, de toda a humanidade! A cruz, ato terrível de injustiça e crueldade, Jesus a viveu como um ato de entrega e de amor que prefere morrer a matar, prefere deixar-se injustiçar a tirar do homem a sua liberdade, até de fazer o mal. Na cruz, Jesus teve consciência de assumir todas as absurdas cruzes da humanidade.
    Beijos de luz! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando Jesus disse a Pedro "tu es Pedro e sobre esta pedra edificarei minha igreja" Jesus se referia a pessoa de Pedro e não um templo feito por mãos de homem ou seja a igreja são todas as pessoas que aceitam a revelação de Jesus Cristo, igreja é gente não Pedra, tijolo, não um lugar, seita religiosa, instituição nem corporação fundada por homens. Sobre a revelação dos apóstolos, iniciando em Pedro, a comunidade de Jesus seria germinada até os dias de hoje, só isso.

      Em Tiago 1, 27 vemos que, a única religião verdadeira pula e imaculada para com deus nosso pai e essa; atender e ajudar os órfãos, necessitados e as viúvas nos seus dias de tribulações.

      Essa sim, foi a única religião que Jesus fundo o amor ao próximo a única religião verdadeira e não a católica que foi a primeira religião falsa a criar a divisão entre o povo de Deus, Pedro nunca esteve em Roma e Jesus nunca fundou a igreja católica, um satanista maçom a fez.

      Os profetas e o povo de Deus sempre estiveram afastado das organizações religiosas, do clero, da cúpula que se julgava representante de Deus na terra. E por que é que hoje seria diferente?

      Excluir
  8. “Ele foi trespassado por causa das nossas transgressões, esmagado por causa das nossas iniquidades. O castigo que nos dá a paz caiu sobre ele, sim, por suas feridas fomos curados” (Is 53,5).
    Quem matou Jesus? Cada um de nós, pelos nossos fechamentos a Deus, que se tornam fechamentos a nós mesmos e aos outros... Quem matou Jesus? A indústria da seca no Nordeste, as bombas da Madri, os aviões de Nova Iorque, a corrupção dos políticos, as armas dos grupos de extermínio, os tanques de guerra dos poderosos, a ganância que não nos deixa ser felizes, a imoralidade que destrói nosso coração... E quem não tiver pecado, quem não for incoerente e quebradiço, que negue isso... Essa postagem é totalmente absurda.

    ResponderExcluir