Jesus e o Antigo Testamento

Por Dinho
Desde os primórdios o criador, fez varias alianças com o homem, dentre as principais estão as alianças com Adão, Noé, Abraão, Moisés e a ultima aliança, com Jesus, um pacto feito para nós. Antes do sacrifício de Jesus, estava em vigor a aliança com Moisés, a velha aliança ou antigo testamento, este foi feito exclusivamente para o povo de Israel, descendestes de Abraão, o povo liberto da escravidão do Egito, (Dt 4:44), (Os. 11:1), (Dt. 23:3-5), (Is 43:3),(1 Cr 29:18), (1 Cr 17:24), (Gn 17:19) todo aquele que não fosse Israelita era chamado Gentio, e não faziam parte da aliança com Deus, (Efésios 2:11-12) (nós Brasileiros por exemplo nunca fizemos parte desta aliança visto que nunca fomos de Israel, na época seríamos Gentis, que eram considerados prostitutas imundas aos olhos daquela aliança), e o mediador do Velho Testamento foi Moisés (Nm 31:31),(Gl. 3:19). Já o Novo Testamento ou aliança com Jesus, foi feita para toda a humanidade, significando assim o fim da lei de Moisés (2 Co 3:14) (Rm 10:4), (Rm 8:2-4), (Gl 2:16-19), e o mediador é Jesus, não havendo mais a necessidade de um líder, sacerdote ou Pastor que faça a intercessão entre Deus e homem.

Paulo o apóstolo abandonou o sistema religioso Judeu do antigo testamento (Gl 3:13), (Fp 3:5-8), para abraçar a nova aliança e seguir os ensinamentos de Cristo, que reforçando, foi o último pacto que o Criador fez com a humanidade. Em termos de conduta para a salvação o Novo Testamento invalida o velho, assim sendo, hoje somos filhos de Deus, e não mais “Servos de Deus” como no velho testamento. (Gl 4:6-7). Paulo nos alerta para não buscarmos recursos no Velho Testamento para obtermos a vida eterna, nem imitarmos os Judeu, pois esta foi a palavra de Deus para outro povo e não devemos retornar a ela. Quando você retorna a velha aliança, é o mesmo que negar o sacrifício de Cristo, estes são chamados Anticristo. Portanto a aliança de Moisés não é para nós, nunca foi, esta aliança  foi abolida com o sacrifício do filho de Deus (Hb. 8:6, 9:15; 12:24), que foi provado ser Jesus (Zc 9:9) (Is 53) (Sl. 89:34-37), (Sl. 2:7-9), desde então eliminou se a necessidade de sacrifícios, holocaustos, manifestações físicas, sacerdócio levítico, intercessores entre o Criador e o homem, cultos judaicos etc (Hb 4: 14-16), (Hb 5:1), (Hb. 7:12). O único intercessor, pastor e sacerdote passou a ser Jesus Cristo e nenhum outro homem (1 Tim 2, 5 e 6),( Hb. 8:1-2).

Quando Jesus viveu sobre a terra todos estavam sobre os mantos da lei de Moisés, era comum que ele instruísse sobre os preceitos da lei aos Escribas e Fariseus, estes eram Judeus e deveriam cumprir a lei desta aliança, ate que o sacrifício de Jesus fosse consumado (João 19:30) Jesus  também fazia leituras do Velho Testamento, afim de  provar através das escrituras, que ele era o Filho de Deus, o Messias, que como Deus prometeu, traria fim a Lei de Moisés cumprindo-a com seu sacrifício e trazendo uma nova aliança, que incluiria os Gentios (Atos 26:23). Nela o amor a Deus, está vinculado ao amor ao próximo, logo, amando ao próximo, declaro que amo a Deus (I João 4:20-21),( Rm 13:8). Jesus quem nos conduzirá ao Pai e não Davi, sua igreja ou seu Líder, devemos ouvir o que Jesus disse aos Gentios, andar como ele andou, não é andar como seu Líder religioso, Jesus é o caminho, é o exemplo perfeito para conduta humana, e suas palavras estão no Novo Testamento, ninguém vai ao Pai, senão por ele (João 14:6). Pergunta: Acaso foi Abraão, Moises, Davi ou seu líder religioso que fez um imenso sacrifício, morreu e depois ressuscitou por ti? Porque as  pessoas tem esses homens como exemplo e não a Jesus?

6 comentários:

  1. Que testamento filho.

    Onde está 'judeu' escreva 'israelita'.
    O restante da pesquisa só prova o cânon bíblico: que o AT deve confirmar o NT.Bingo, acertou na mosca. Só uma pequena correção, Jesus disse: Ninguém VEM ao Pai se não por mim, logo, o Pai e o Filho são apenas UM pelo mesmo Espírito, por isso também disse: Eu e o Pai somos UM

    ResponderExcluir
  2. Concordo! e completando...
    Porque a Lei teve seu fim?
    Todo o Israel transgrediu a tua lei, desviando-se para não obedecer à tua voz; por isso a maldição e o juramento, que estão escritos na lei de Moisés, servo de Deus, se derramaram sobre nós; porque pecamos contra ele. Daniel 9:11(Israel pecou contra Deus)

    Como está escrito: Não há um justo, nem um sequer. Não há ninguém que entenda; Não há ninguém que busque a Deus. Todos se extraviaram, e juntamente se fizeram inúteis. Não há quem faça o bem, não há nem um só. A sua garganta é um sepulcro aberto; Com as suas línguas tratam enganosamente; Peçonha de áspides está debaixo de seus lábios; Cuja boca está cheia de maldição e amargura. Os seus pés são ligeiros para derramar sangue. Em seus caminhos há destruição e miséria; E não conheceram o caminho da paz. Não há temor de Deus diante de seus olhos. Ora, nós sabemos que tudo o que a lei diz, aos que estão debaixo da lei o diz, para que toda a boca esteja fechada e todo o mundo seja condenável diante de Deus. Por isso nenhuma carne será justificada diante dele pelas obras da lei, porque pela lei vem o conhecimento do pecado. Mas agora se manifestou sem a lei a justiça de Deus, tendo o testemunho da lei e dos profetas; Isto é, a justiça de Deus pela fé em Jesus Cristo para todos e sobre todos os que crêem; porque não há diferença. Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus; Sendo justificados gratuitamente pela sua graça, pela redenção que há em Cristo Jesus. Ao qual Deus propôs para propiciação pela fé no seu sangue, para demonstrar a sua justiça pela remissão dos pecados dantes cometidos, sob a paciência de Deus; Para demonstração da sua justiça neste tempo presente, para que ele seja justo e justificador daquele que tem fé em Jesus. Onde está logo a jactância? É excluída. Por qual lei? Das obras? Não; mas pela lei da fé. Concluímos, pois, que o homem é justificado pela fé sem as obras da lei. Romanos 3:10-28 ( não imite Judeus seremos justificados pela fé em cristo não pela lei)

    Logo, para que é a lei? Foi ordenada por causa das transgressões, até que viesse a posteridade a quem a promessa tinha sido feita; e foi posta pelos anjos na mão de um medianeiro. Ora, o medianeiro não o é de um só, mas Deus é um. Logo, a lei é contra as promessas de Deus? De nenhuma sorte; porque, se fosse dada uma lei que pudesse vivificar, a justiça, na verdade, teria sido pela lei. Mas a Escritura encerrou tudo debaixo do pecado, para que a promessa pela fé em Jesus Cristo fosse dada aos crentes.
    Mas, antes que a fé viesse, estávamos guardados debaixo da lei, e encerrados para aquela fé que se havia de manifestar. De maneira que a lei nos serviu de aio, para nos conduzir a Cristo, para que pela fé fôssemos justificados. Mas, depois que veio a fé, já não estamos debaixo de aio. Porque todos sois filhos de Deus pela fé em Cristo Jesus. Porque todos quantos fostes batizados em Cristo já vos revestistes de Cristo. Gálatas 3:19-27 chega de lei vamos para a nova aliança.
    Priscila Fagundes phd em teologia sistemática

    ResponderExcluir
  3. ATENÇÃO: MANIPULAÇÃO RELIGIOSA:

    “Toda Escritura é inspirada por Deus e apta para o ensino, a correção e a educação na justiça”

    GENTE...A BIBLIA DE JERUSALEM ESTÁ ASSIM:

    “Toda Escritura inspirada por Deus É apta para o ensino, a correção e a educação na justiça”

    ESSA É A TRADUÇÃO CORRETA...PORQUE SE ELE DIZ Q A ESCRITURA DA LEI É PROVEITOSA, LOGO PORQUE ELE É PERSEGUIDO? LOGO DESFAZ SE O ESCANDALO DA CRUZ E ELE VOLTA A EDIFICAR O QUE TRANSGREDIU....
    ELE QUIS DIZER QUE TODA ESCRITURA Q FOR INSPIRADA POR DEUS É PROVEITOSA...E DEFINITIVAMENTE...NÃO É: TODO O ANTIGO TESTAMENTO DA BIBLIA É PROVEITOSO PARA ENSINO!!

    ResponderExcluir
  4. Olha só, eu concordo com o Theoz acima.

    Ainda incluo mais um texto pra ajudar o pensamento do Theoz acima citado:

    Rom 15:4 - Porque tudo o que dantes foi escrito, para nosso ensino foi escrito, para que pela paciência e consolação das Escrituras tenhamos esperança.

    Ou seja, tanto o Velho como o Novo sao ferramentas para ensino e edificação!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ERRADO: ESSE VERSO DIZ Q O VT SERVIU PARA EDIFICAR PASSADO...FUTURO NÃO.

      O que Jesus ensinou, nunca foi ensinado. O que Jesus pregou nunca foi mencionado antes na Lei. Nunca houve autoridade ou coragem suficiente para alguém dizer o que Jesus disse. Esse é o motivo pelo qual a sua palavra atraía a atenção das multidões, enquanto que as palavras dos escribas e fariseus não conseguiam alcançar a mesma receptividade, pois revelavam incoerência e hipocrisia, violência, apego às bênçãos materiais, escravagismo, apedrejamentos, preconceitos contra mulheres e deficientes físicos, sacrifício de bodes e bezerros, assim como outras barbaridades, são fatos hediondos suficientes para caracterizar o VT como abolido (2 Co. 3:14), obsoleto antiquada (Hb. 8:13), fraco e sem utilidade (Hb. 7:18).



      Quando Jesus se referiu ao VT, Ele disse: "está escrito" ou "foi dito aos antigos", como vemos em Mateus 5:21, 27, 38, 43), mas quando Ele próprio ensinava daquilo que Ele havia recebido do Pai, Ele dizia: "porem Eu vos digo" (Mateus 5:28, 32, 34, 39 ,44), o que significa que Ele tinha uma mensagem personalizada e autêntica.

      Através de Jesus, passou a existir:
      . um Novo Concerto (Lc. 22:20; 2 Co. 3:6; Hb. 8:13);
      . uma Nova Criação (2 Co. 5:17; Gl. 6:15);
      . um novo nascimento (Jo. 3:3);
      . uma nova vida (Rm. 6:4);
      . um novo homem (Ef. 4:24; Cl. 3:10);
      . um nova perspectiva para servir a Deus em espírito (Rm. 7:6);
      . uma nova massa no "pão" (1 Co. 5:7);
      . um novo "vinho" (Lc. 5:38);
      . um novo mandamento (Jo. 13:34).

      E assim, nós podemos definitivamente confirmar o que Paulo disse em 2 Co. 5:17... "Quem está em Cristo é nova criatura; as coisas velhas passaram e eis que tudo se fez novo".
      A conclusão é que no VT os bens materiais eram super-valorizados, acima de qualquer coisa, enquanto que no NT os bens espirituais são mais valorizados em relação aos bens terrenos.

      Excluir
    2. concordo plenamente com o texto, pois ;a lei e os profetas durou ou vigorou ate joao batista,;hebreus 1,1 antigamente Deus falava de muitas maneiras pelos profetas (hoje) fala unicamente pelo Filho, 2corintios 3,14 diz que Jesus ABOLIU A LEITURA DA ANTIGA OU DO ANTIGO TESTAMENTO, entao aqueles que se dizer cristao foram habilitados para pregar somente a nova aliança , ide pregai somente o evangelho, e onde se encontra diz marcos 1,1 o principio do evangelho de JESUS CRISTO O FILHO DE DEUS. pensam bem

      GRAÇA E PAZ

      Excluir